Ex-Mulheres X – “O Pianista”

janeiro 29, 2008

Eva sempre fora apaixonada por música clássica. Desde muito pequena, enquanto as amiguinhas se divertiam com hits de rádio de Menudos e Polegar, Eva divertia-se ouvindo Brahms, Mozart e Vivaldi. Não tinha paciência para as músicas atuais e achava, em sua opinião sincera, que a música terminara sua trajetória em meados do século XX.

Daniel era um pianista de relativa fama, que tocava em algumas orquestras eventualmente, como convidado e ganhava a vida em geral tocando em restaurantes e bares badalados.

Os dois se conheceram num piano bar no Itaim, em uma noite bastante chuvosa. Daniel era um músico bastante ousado e volta-e-meia arriscava novos arranjos em compositores clássicos. Eva ficou até o final da noite, depois que as amigas já tinham ido. Estava a pé e a chuva não dava trégua.

Daniel, porque achara a menina bonita e também porque era educado, ofereceu carona assim que sua apresentação terminou. Deixou-a em casa sem gracinhas, mas Eva pediu a ele uma indicação sobre onde faria suas próximas apresentações, alegando que gostara muito de seu estilo. Daniel fez algumas anotações de lugares em um pedaço de papel e o entregou.

Daí por diante, Eva aparecia em todo concerto ou apresentação do pianista. Aos poucos Daniel foi se acostumando e, como na maioria das vezes acabava dando carona para a moça, o romance desatou a rolar.

Por seis meses, encontravam-se nas apresentações do músico e saíam mais tarde, para jantar, conversar, tomar algo e principalmente transar. A coisa demorou a ficar séria, mas quase um ano depois, os dois começavam a traçar planos.

De repente, passados mais dois meses, avisaram as respectivas famílias, organizaram uma pequena festa, juntaram trapos e se casaram. Daniel tocou Chopin no casamento, com um novo arranjo mais alegre que lembrava Vivaldi. Foi perfeito.

Entretanto, assim que começaram a viver juntos, Eva se deu conta de uma terrível realidade: a diferença entre ver um músico se apresentando e um trabalhando. Seis meses de vida a dois se passaram, sem que Eva ouvisse mais uma música sequer.

Chegava em casa à noite, esperando para ouvir alguma peça sensacional do marido, mas não. Tudo o que ouvia eram ensaios e notas dissonantes, enquanto Daniel estava profundamente enclausurado em seu mundo, realizando estudos e compondo arranjos para suas próximas apresentações.

Eva não aguentava mais… algo precisava ser feito. Então, quando estavam prestes a completar um ano de casados, Eva pediu a separação. Daniel não fez impedir e realizaram um divórcio consensual.

Não daria certo mesmo. Agora Eva está sozinha. Não se aproxima de ninguém. Sai somente todas as quintas e sábados, vai às apresentações de Daniel, assiste-as com um sorriso incontido até o final e espera- o oferecer uma carona.

Anúncios

One Response to “Ex-Mulheres X – “O Pianista””

  1. Nanda UP Says:

    Ai, que horror essa relação… 😦

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s